segunda-feira, setembro 01, 2008

Sofrendo por antecipação

Desde criança eu sou assim. Sofro por antecipação. Basta ver minhas fotos quando fui noiva na quadrilha e rainha da pipoca na escola. Em todas, estou com a cara mais abatida do mundo, vermelha como um pimentão por conta da febre alta. Nessa época ainda, eu tinha tanta certeza de que me daria mal em provas de matemática, que não dormia ou tinha pesadelos na véspera do exame. Por sorte - e nojo - não sou de roer as unhas.

Hoje fiquei tensa o dia inteiro tentando comprar o ingresso da Madonna. Fiz meus apelos dramáticos de praxe no MSN (minha irmã e minha mãe dizem que sou drama queen no quesito) e fiquei "psycando" o mundo. Até que meu amigo querido Pablo foi o anjo da guarda que publicou meu apelo em seu blog (desses que têm uns 500 comentários por dia contra zero ou um, se comparado com o meu). Minutos depois, como na fábula de Ali Babá, ele consegui o acesso ao site. Então vi que havia ingressos à venda, mas...

Eu não quero ver a Madonna no Rio. Quero ir para São Paulo onde tenho mais amigos e imagino que o show será melhor. Em São Paulo combinei minha caravana "Priscilla, Rainha do Deserto". Então, ficarei com minhas palpitações porque só no dia 03 (quarta) resolverei essa questão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário