sábado, junho 04, 2011

Postado por Ludmila Azevedo

No Facebook e no Twitter.

Às vezes não existe dia após o outro. Ainda mais quando penso que além da minha dor há a dor das pessoas que mais amo nessa vida, que são minha mãe e minha irmã. Por mim, nesse momento, 2011 é mais um ano que pode ir embora sem que eu sinta a menor falta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário