segunda-feira, julho 03, 2006

Fim de semana em clima de despedida. Parecia final da temporada de seriado favorito. David, meu cunhado mudou-se para os Estados Unidos. Minha irmã e ele ficaram com os coraçõezinhos na mão. Eu sei como é péssimo ficar longe de quem a gente ama. No caso deles, é mais triste porque não têm a possibilidade de se encontrar uma, duas vezes por mês. Fui para casa fazer um risoto especial para eles. Uma daquelas viagens cansativas de Cometa. Sono atrasado na segunda é detonante, no entanto valeu o sacrifício...

Fiquei com vontade de postar o texto do Luiz Caversan que eu adoro e, imagino, já devo ter postado. Ele diz muito mais quando não subimos por aquelas ladeiras, comemos o legítimo pão-de-queijo e vemos estrelas diariamente.

Se você é Belorizontino - Luiz Caversan

- Você sabe como se escreve belorizontino.
- Você sabe que a Savassi não fica na França.
- Você já tomou banho de mangueira e você sabe o que isso significa.
- Você já participou de pelo menos um campeonato de peteca.
- Você já tentou dar a volta na Lagoa da Pampulha de bicicleta partindo da frente do Iate, do PIC ou do Museu (existem lendas vivas que conseguiram).
- Você acha a maravilhosa vista da orla da Lagoa da Pampulha a coisa mais normal do mundo.
- Você acha a maravilhosa vista da Serra do Curral a coisa mais normal do mundo.
- Você acha que ver montanhas no horizonte é uma coisa totalmente corriqueira.
- Você sabe por que a Serra do Curral chama-se Serra do Curral.
- Você já andou de bicicleta ou patins no estacionamento do Mineirão.
- Você já foi ao Mineirão pelo menos uma vez, nem que tenha sido naquelas excursões básicas da escola.
- Você sabe que o verdadeiro nome do Mineirão é Estádio Governador Magalhães Pinto.
- Você tem o Atlético ou o Cruzeiro no coração. Para você, torcida do América é sinônimo de fusquinha.
- Você sabe que Três Lobos não é o pior pesadelo dos três porquinhos.
- Você sabe que Redondo não é um cara gordo.
- Você sabe o que é um coreto.
- Você vai à Praça da Liberdade ver a iluminação de Natal. Ou você pelo menos tenta. Porque é impossível estacionar o carro, então você fica dando voltas ao redor da praça com o carro no meio de um congestionamento monstro tentando ver os detalhes.
- Você já fez pão-de-queijo ou já viu alguém fazer pão-de-queijo.
- O pão-de-queijo da sua avó é o melhor.
- Todo domingo você almoça na casa da sua avó.
- Você conhece pessoas que medem as distâncias com morros. Ex.: "Daqui até lá são 3 morros."
- Você sente vertigem em lugares planos.
- Você é sócio de pelo menos 1 clube.
- Você não tem mar por isso vai ao bar.
- Você não sabe o que é maresia.
- Você acha que homens se vestirem de mulheres e vice-versa e irem para a Afonso Pena algumas semanas antes do Carnaval é normal (Fenômeno conhecido como Banda Mole).
- Assistir a jogos da seleção ou a jogos importantes do Galo ou do Cruzeiro na Savassi é típico.
- Comemorar as vitórias dos times na Savassi é tradição. (Não só a vitória do seu time como também a derrota do rival)
- Você vai ao Shopping pelo menos 1 vez na semana.
- Você sabe que a Feira Hippie não tem nada a ver com Woodstock e que lá praticamente não tem hippies.
- Quando alguém te chama para tomar um cafezinho na casa dele "qualquer dia desses" você sabe que você nunca irá na casa desse alguém.
Você sabe de cor o telefone do Telepizza Mangabeiras.
- Uai é ponto final, ponto de exclamação e vírgula.
- Trem é a palavra curinga.
- Você já deve ter dito a frase: "Eu fui ali no trem coisar o troço."
- Você tem um churrasco para ir todo final de semana.
- Você adora ir ao Mineirão ou Mineirinho quebrar um recorde básico de público.
- Você sabe diferenciar a torcida da cachorrada da torcida da bicharada.
- O Parque Guanabara faz parte da sua infância.
- Você já sentiu a força da gravidade na Rua do Amendoim.
- Você já fez caminhada ecológica para ver as cachoeiras da Serra do Cipó.
- No colégio, você foi à Gruta da Lapinha.
- Você não vê nada de estranho em uma Igreja em forma de montanha.
- Você já foi soltar papagaio na Praça do Papa.
- Você já andou de pônei no Parque Municipal.
- Você sabe que o nome: "Pirulito da Praça 7" é obsceno mas é tão comum e você simplesmente esquece isso.
- Você sabe que Pampulha é uma região e não um bairro.
- Você pode até não gostar de café, mas você já foi ao Café 3 Corações.
- O dia 15 de agosto é feriado para você.
- Você entende a música Garota Nacional do Skank.
- Você já deve ter encontrado a Fernanda Takai do Pato Fu pelas ruas de BH. Se nunca encontrou, não preocupa porque fatalmente você vai encontrar.
- Você sabe porque todo mundo quando escuta um foguete, tiro, trovão e etc grita Galo ou Zerô!
- Você sabe que o Sepultura nasceu em Santa Tereza.
- Você sabe o que é CAOL.
- Você conhece o Palhares. (Não é uma pessoa).
- Você já foi ao Mercado Central comprar bichinhos.
- Você já tomou cerverja (de pé) no mercado central, comendo bife de fígado acebolado com jiló.
- Você já dançou o xenhém-nhém pelo menos para pagar uma prenda.
- Você sabe o que é pagar prenda.
- Você sabe que o pessoal de Lagoa Santa, Contagem, Vespasiano sempre tira onda dizendo que mora em Belo Horizonte.
- Você não agüenta mais a quantidade de semáforos sem nenhum sentido lógico.
- Você não pode morar longe da Savassi !!!
- Você sabe que a 6 Pistas não tem nem nunca vai ter 6 Pistas

Se você não entendeu absolutamente nada do que foi dito acima, é uma pena! Tem coisas que a gente não explica, só sente...

Mas se você entendeu pelo menos a metade, parabéns: você realmente é belorizontino!

2 comentários:

  1. Muito legal o texto, nunca o tinha lido. E os semáforos sem sentido ainda me irritam profundamente...

    ResponderExcluir