domingo, maio 08, 2005

E sua mãe também!

Tomara que um dia ela consiga ser tão legal, bonita e descolada como a minha...Pois a minha fala de sexo, drogas e rock and roll e ainda insiste em ser uma vovó, que vai mimar os netinhos. Da minha parte, não sei se consiguirá...

E mesmo sendo uma data comercial, é sempre ótimo quando sentamos eu, ela e Uiara para tomar um vinho, falar da vida e de nossas vidas em particular: de como batalhamos juntas e tudo melhorou para nós. Mesmo que nossa família seja estranha e brigada, sempre teremos a nós mesmas, muitas vezes mais próximas do que as chamadas "famílias estruturadas" (se é que isso existe)...

Quero que minha mãe viva por muitas décadas ainda! Não porque ela é uma pessoa vital para mim, mas porque seu sorriso e seu astral fazem muitas pessoas queridas mais felizes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário