segunda-feira, julho 21, 2008

O mundo de Derby

O trocadilho do título é meio infame, mas como eu utilizo o slogan "O mundo de Malboro" para situações inverossímeis (e pomposas), resolvi postar sobre o lado b dessa piada interna.

- Outro dia peguei um táxi na saída do espetáculo "O Oratório de Aurélia" (lindo, lindo, estrelado pela neta do Chaplin). Estava quietinha com meus pensamentos (coisa rara) quando o motorista aumentou o volume do rádio. Não é que o programa Good Times, da BH FM, ainda existe? Depois de tocar uma música bem melosa de uma dessas pop stars bregas tipo Celine Dion, surge uma voz: "Meu nome é Maria Aparecida, tenho 40 anos, sou solteira sem filhos e desejo conhecer homens a partir dos 60 anos para relação séria"...Como se não bastasse, a ouvinte deixa o celular para quem quiser ligar. Achei um pouco surreal, porém atinei para o fato: no "mundo de Malboro" isso existe nos chats e orkuts da vida.

- A outra cena foi hoje, quando passei em casa voando para vestir um traje meio corporativo, para uma reunião idem. Fabiana passava roupas ouvindo Extra FM, que anunciou um show da dupla sertaneja Don& Juan. Sensacional, pensei. Eu na minha proposta de ouvir ipod no carro e, no máximo, CBN estou totalmente por fora do que faz sucesso no "mundo de Derby". Lembrei-me de quando era criança e acompanhava a Augusta ouvindo a rádio Globo, esperando ansiosamente pela previsão da Zora Ionara para Áries. Hoje, no "mundo de Malboro" cogito receber SMS do Quiroga no meu celular e penso que deveria olhar com mais regularidade para além da minha redoma pequeno burguesa. "O mundo de Derby" é muitas vezes mais divertido e escrachado!

Um comentário: