sexta-feira, outubro 19, 2007

Do fundo do baú

De ressaca monstra - como toda equipe da Noir -, não consegui trabalhar durante a manhã (agora menos ainda). Fuçando nos backups, achei minha monografia sobre a loja/selo Cogumelo (escrita há quase 10 anos e a seis mãos) e fiquei lendo trechos para as meninas. Como eu, Metal e Leozinho escrevemos trechos abaixo copiados é um completo mistério...

"A problematização deste projeto originou-se da importância da Cogumelo no surgimento de novas bandas de Belo Horizonte. Com a bem-sucedida carreira internacional do Sepultura, somada à incessante gravação de bandas por parte do selo, inúmeras outras foram se formando na cidade. O interesse pela pesquisa surgiu, justamente, pela escassez de bandas do estilo heavy metal na atualidade, bem como o atual estágio da gravadora no mercado fonográfico nacional. Além disso, nós participamos da cena heavy metal"

"O heavy metal no Brasil sempre sofreu de muito preconceito, não só dos meios de comunicação mas, principalmente, da sociedade. Por isso a grande demora para que o gênero se estabelecesse de vez no país, em relação aos EUA e Europa"

"Em outras partes do país o heavy metal não era tão forte quanto em Belo Horizonte e São Paulo, mas a cena existia. No Rio de Janeiro por exemplo, havia alguns lugares para shows - era o caso do Garage e do Caverna - e uma gravadora especializada, a Heavy, que lançou varias bandas, entre elas X-Rated e Dorsal Atlântica, esta última uma das mais importantes bandas de metal do País por ter iniciado suas atividades por volta de 82"

GLOSSÁRIO

DICIONÁRIO DE TERMOS MUSICAIS:

BLACK METAL: “Metal negro”. É o heavy cru, com pitadas de satanismo. O termo foi retirado do segundo LP do Venon ( Black Metal, 1982). No início de carreira, o Sepultura era um de seus adeptos
.

As definições do glossários são hilárias porque a gente se meteu a "aportuguesar" tudo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário