sexta-feira, dezembro 18, 2015

Tchau, 2015 (não vou esperar o dia 31 de dezembro)

Não necessariamente em ordem, como tudo na minha vida:

Adotei outro gato.
Me mudei para um apartamento maior e melhor.
Fiz sirsasana sozinha e sem medo de me esborrachar no chão.
Parei para pensar na vida por quase quatro meses.
Ganhei uma filha de coração.
Fortaleci amizades para toda vida.
Emagreci comendo o que gosto.
Segui de mãos dadas com o meu amor.
Passei fins de semana grudada com minha irmã, minha mãe e meu tio.
Revi amigos, abracei amigos, mandei mensagens de amor para amigos: sóbria, bêbada, feliz e triste.
Aprendi a viver com menos dinheiro.
Parei de me preocupar com trabalho aos sábados, domingos e feriados.

Teve a parte ruim.
E ela me ensinou, mais uma vez.





Nenhum comentário:

Postar um comentário