domingo, março 20, 2011

What the Hell

Então é inferno astral e eu não estou sofrendo. Acredito nele desde sempre; nos fatídicos dias espinhentos que começam a partir de 05 de março. Não gosto de sofrer. Parece idiota a afirmação, no entanto conheço gente que adora arrastar as próprias mazelas como correntes iguais as que os fantasmas arrastam em desenhos animados e filmes.

Foi uma decisão completamente racional me recolher para aproveitar esse período como uma campanha de autopreservação. Fazer exames chatos que eu protelo, não ir a lugar que não esteja com vontade, não conviver com pessoas que não contribuem para o meu bem estar, tentar organizar meu próprio caos.

Tem sido dias sem alarmes ou surpresas. Não propriamente os prediletos de uma nativa de fogo como eu. A calmaria vai acabar. Ela sempre acaba. Tento não ter pressa, ficar parada como quem brinca de "estátua". Quem sabe assim eu saio triunfante do jogo?

Olho para trás e percebo que minha vida é bem melhor agora do que era há um ano. Por uma série de motivos. O último inferno astral não foi movimentado: foi confuso, turbulento e triste. Não desejo os dias de março-abril de 2010 para ninguém.

E o ano astrológico começa agora. Meus dias de paz e de luta seguem até 05 de abril. Eles valerão a pena.

Nenhum comentário:

Postar um comentário