sábado, agosto 06, 2005

Trabalhar com aquilo que se gosta é um privilégio para poucos, mas não chega a ser um mar de rosas por conta da responsabilidade, do perfeccionismo e da grana que quase nunca é ideal nesses casos. Enfim, nesta semana dormi, acordei e comi com a cabeça na pesquisa sobre o Grupo Corpo e o especial de 30 anos que estamos produzindo sobre a Companhia (para mim é a melhor do mundo e não tem jeito). Encerrei o Agenda com imagens do ensaio de Onqotô, em primeira mão (o espetáculo estréia em setembro no Palácio das Artes) e colhi depoimentos maravilhosos e emocionantes. Assim que rolar o especial, aviso aos meus "leitores" deste espaço.







E o melhor até o momento foi encontrar com a turma (Marianinha, Mari, Lu, James e Fernandinha) hoje no Bar do Careca para falar de bobagens e, claro, do Marcos Valério, assunto número um dos país (desde ida ao salão de beleza até a prévia de entrevista com alguém bafão).

Nenhum comentário:

Postar um comentário