segunda-feira, fevereiro 13, 2006

Eu acordei buscando frases. Faço isso eventualmente. Achei algumas, que por razões diferentes, me atraíram:

"O tempo que passas a rir é tempo que passas com os deuses" - Provérbio Chinês

"A instrução é um esforço admirável. Mas as coisas mais importantes da vida não se aprendem, encontram-se" - Oscar Wilde

"O homem começa a morrer na idade em que perde o entusiasmo" - Balzac


Ok, deixando o momento "Pop Card Johnny Walker" de lado, vi ontem dois filmaços: Soy Cuba, o Mamute Siberiano e Paradise Now. O primeiro meu deu vontade de conhecer Havana, fumar charuto e trabalhar com a equipe meticulosa que, nos anos 60, fez um filme que não agradou ninguém e foi tardiamente reconhecido. Uma aula de cinema e um ótimo exercício de metalinguagem. Já o segundo foi a primeira oportunidade que eu tive no cinema de ver o lado palestino do conflito. Nessa quastão não há certo ou errado e por isso o diretor arrasou ao fazer um filme sem aquela de vítimas e algozes. A paz será mesmo uma conquista silenciosa?



Nenhum comentário:

Postar um comentário